biblia.com.br

Vantagens científicas da meditação na Bíblia

1 de novembro de 2012

Segundo a Revista Scientific American, acontecem coisas muito especiais em nossa mente durante o momento da meditação. Ele aquieta regiões normalmente vigilantes, aguça os centros pensantes, promove sensação de centramento, calma e lucidez que permanecerá ao longo de todo o dia

Milhões de pessoas começam o dia orando e meditando e sentem que isso faz bem ao cérebro. Parece que quando nos levantamos e imediatamente iniciamos nossa correria, sem dirigirmos a mente a Deus, o dia não é tão agradável.

Segundo a Revista Scientific American, acontecem coisas muito especiais em nossa mente durante o momento da meditação. Ele aquieta regiões normalmente vigilantes, aguça os centros pensantes, promove sensação de centramento, calma e lucidez que permanecerá ao longo de todo o dia (24 Horas na vida do seu cérebro”, Scientific American Brasil, páginas 43-44).

Observe o que a ciência tem a dizer sobre a meditação: “Os estudos de imagens cerebrais mostram que a prática da meditação pode, a longo prazo, alterar a estrutura do cérebro, espessando o córtex, mudando o tipo e o ritmo das ondas cerebrais e apurando nossa capacidade de concentração. Meditar também reduz a ansiedade, a pressão sanguínea e o estresse’’ (24 Horas na Vida do Seu Cérebro, Scientific American Brasil, página 44).

1. É maravilhoso contemplarmos a ciência comprovando, a eficácia daquilo que Jesus prescreveu para os seus seguidores: “buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mateus 6:33).

2. Buscar o reino de Deus envolve emprenhar-se na prática da meditação, de preferência na  primeira hora de cada dia, tendo a Bíblia e a oração como base para tal empreendimento. Deus, por meio da atuação do Espírito Santo, provê fortalecimento emocional, espiritual e físico. A ansiedade é controlada e adquire-se força e vigor. O fortalecimento das faculdades emocionais depende, em grande parte, da harmonia com o Criador. Além de todos os benefícios, existe um que se destaca. Trata-se da correção do senso de valor próprio, que acontece no processo de meditação sobre as verdades contidas na Revelação de Deus (Salmos 8:3).

3. Como você pôde perceber, meditar em Deus é algo vital para o homem. Deus criou o ser humano para relacionar-se com Ele. Em sua escala de valores, dedique o primeiro lugar a Deus, o melhor do seu tempo, de sua energia e de suas afeições. Certamente você será muito mais feliz!

Equipe Biblia.com.br

Use a Bíblia e seja feliz!
Como crescer espiritualmente usando a Bíblia