você está lendo...

Deuteronômio – Capítulo 23

1 Moisés disse ao povo: – Nenhum homem castrado ou que tenha o membro cortado poderá fazer parte do povo de Deus, o SENHOR.
2 – Nenhum filho ilegítimo fará parte do povo do SENHOR, nem ele nem os seus descendentes até dez gerações.
3 – Nenhum amonita ou moabita, até a décima geração, fará parte do povo de Deus, o SENHOR. Eles ficarão de fora
4 porque, quando vocês estavam saindo do Egito, eles não lhes deram comida nem água. E também porque pagaram Balaão, filho de Beor, da cidade de Petor, na Mesopotâmia, para amaldiçoar vocês.
5 Mas o SENHOR, nosso Deus, não atendeu o pedido de Balaão; pelo contrário, Deus virou a maldição em bênção porque ama vocês.
6 Nunca façam coisa alguma para o bem ou proveito desses povos.
7 – Não desprezem os edomitas, pois eles são seus parentes; nem desprezem os egípcios, pois vocês viveram como estrangeiros na terra deles.
8 Dos netos em diante, os descendentes dos edomitas e dos egípcios que morarem na terra de vocês poderão fazer parte do povo de Deus.
9 – Quando estiverem acampados durante uma guerra, procurem evitar qualquer coisa que os torne impuros.
10 Se durante a noite alguém ficar impuro por causa da perda de esperma, sairá do acampamento de manhã.
11 À tarde tomará um banho e ao pôr-do-sol poderá voltar ao acampamento.
12 – Arranjem um lugar fora do acampamento onde poderão fazer necessidade.
13 Junto com as suas armas levem uma pá e, antes de fazer necessidade, cavem um buraco e depois cubram as fezes com terra.
14 – O SENHOR, nosso Deus, está presente no acampamento com vocês, para protegê-los e para fazer com que vocês derrotem os inimigos. Portanto, conservem o acampamento puro a fim de que Deus não encontre nele nenhuma coisa que o ofenda, para que ele não os abandone e vá embora.
15 – Se um escravo fugir do dono e vier pedir que você lhe dê proteção, não o entregue ao dono.
16 Ele deverá ficar morando em qualquer cidade israelita que quiser e não poderá ser maltratado.
17 – Nenhum israelita, mulher ou homem, praticará a prostituição nos templos pagãos.
18 O dinheiro ganho desse modo não poderá ser levado ao Templo do SENHOR para pagamento de uma promessa feita ao SENHOR, nosso Deus. Deus detesta esse dinheiro.
19 – Não cobrem juros quando emprestarem dinheiro, comida ou qualquer outra coisa a um israelita.
20 Vocês poderão cobrar juros dos estrangeiros; mas não cobrem de outro israelita, para que o SENHOR, nosso Deus, abençoe tudo o que vocês fizerem na terra que vai ser de vocês.
21 – Quando você fizer uma promessa ao SENHOR, nosso Deus, não demore a cumpri-la. Deus exige que a promessa seja cumprida; e é pecado deixar de fazer aquilo que você prometeu.
22 Não é pecado deixar de fazer uma promessa a Deus;
23 mas, se você, por vontade própria, fizer uma promessa, então deverá cumpri-la sem falta.
24 – Quando estiver andando num caminho que atravessa a plantação de uvas de outro israelita, você poderá comer todas as uvas que quiser, porém não carregue uvas num cesto.
25 E, quando estiver atravessando o campo de trigo ou de cevada que pertence a outro israelita, você poderá comer todas as espigas que puder colher com as mãos; porém não use uma foice para colher as espigas.


Livros
Capitulos

Compartilhe