que fez os céus e a terra, o mar e tudo quanto neles há, e que guarda a verdade para sempre; - SALMOS 146:6

Atenção! Perigo!

Publicado em: 19/12/2012  |   23:00
Compartilhe:

Eu tinha visto aquela luz boba acesa no painel do carro há dias. E por dias eu a tinha ignorado. Ocupado demais: “Vou levar o carro ao mecânico amanhã”. Mas o amanhã nunca se tornou hoje. A luz continuava acesa, inutilmente agitando bandeiras vermelhas diante dos meus olhos displicentes. Algo estava errado, mas havia coisas demais para eu fazer.

“Da próxima vez prestarei atenção!”, resmunguei para mim mesmo. A lanterna que eu estava agitando deveria estar parecendo um vaga-lume dançante para o trânsito que se aproximava. A situação não era agradável: uma noite fria de inverno em uma solitária estrada no interior do Brasil, com minha filha e minha esposa grávida.

Minha respiração se transformou em fumaça ao ficar no acostamento acenando para os carros. Prometi a mim mesmo que nunca mais ignoraria um aviso.

Avisos. Luzes vermelhas na vida que nos alertam sobre perigo iminente. Eles existem em todas as partes da vida. Sirenes soam quando um casamento começa a azedar. Alarmes disparam quando a fé enfraquece. Labaredas levantam-se para nos alertar de aspectos morais que estão sendo transigidos.

Manifestam-se de várias maneiras: culpa, depressão, argumentações. Um amigo pode confrontar. Uma passagem das Escrituras pode atormentar. Um fardo pode se mostrar pesado demais. Independente de como podem chegar, os avisos vêm com o mesmo propósito: alertar. Despertar.

Infelizmente, não se dá sempre atenção a eles. Todos nós aprendemos a tapar os ouvidos e proteger nossos olhos no momento certo. É incrível como podemos ser competentes em mantê-los afastados. Os avisos podem ser tão brutos quanto um bate-estacas, e mesmo assim viramos nossa cabeça e os ignoramos. Temos uma “malandragem” suficiente para acreditarmos que somos a proverbial exceção à regra.

Você está perto demais das cataratas? Seus sentidos estão adormecidos? Seus olhos estão treinados para se desviarem quando deveriam parar e observar?

Então talvez você precise consertar o seu detector de avisos.

Avisos divinos. Todos inspirados por Deus e testados pelo tempo. Eles são seus para fazer o que você desejar. Eles são luzes vermelhas em seu painel. Dê atenção a eles e você terá uma segurança que poderá ser desfrutada. Ignore-os e eu estarei procurando por você no acostamento da estrada. (Extraído da obra God Came Near, de Max Lucado)

Uma resposta para “Atenção! Perigo!”

  1. como foi inteligente essa sua abordagem sobre os avisos divinos em nossas vidas eu achei muito inteligente mesmo e gostei pois é uma verdade incontestável o q acaba de dizer parabens

Leia a Biblia

Fale Conosco

Envie suas sugestões ou solicite informações