biblia.com.br

Não fique sem a graça

Textos

15 de maio de 2013

Quanto mais andarmos no jardim, maiores serão as chances de termos o cheiro das flores. Quanto mais imergirmos na graça, maiores serão as nossas chances de oferecermos graça. Esta poderia ser a chave para enfrentar a ira? Será que o segredo é não exigir o pagamento, e sim ponderar o pagamento que foi feito pelo nosso amado Salvador?

Seu amigo quebrou as promessas que havia feito? Seu chefe não manteve sua palavra? Sinto muito, mas antes de tomar alguma atitude, responda esta pergunta. Como Deus reagiu quando você quebrou as promessas que fez a Ele?

Mentiram para você? Dói ser enganado. Mas antes de cerrar os punhos, pense. Como Deus reagiu quando você mentiu para Ele?

Você foi negligenciado? Esquecido? Deixado para trás? A rejeição fere. Mas antes que você pague na mesma moeda, seja honesto consigo mesmo. Você já negligenciou a Deus? Você foi sempre atencioso à Sua vontade? Nenhum de nós foi. Como
Ele reagiu quando você O negligenciou?

A chave para perdoar os outros é parar de concentrar-se no que eles lhe fizeram, e começar a concentrar-se no que Deus fez por você.

Mas, Max, isto não é justo! Alguém tem que pagar pelo que fez.

Eu concordo. Alguém tem que pagar. E Alguém já pagou!

Você não entende, Max, este sujeito não merece graça. Ele não merece compaixão. Ele não é digno de perdão.

Não estou dizendo que ele seja. Mas você é? (Extraído da obra Nas Garras da Graça, de Max Lucado)

Prioridades. Quais são as suas?
É Jesus que dá valor às pessoas